Ideologia

Por Patrícia Amaral Siqueira e Thiago de Mello

Mestre em Ciências Sociais pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro/Doutor em Ciências Sociais pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro

http://educacao.globo.com/sociologia/assunto/conflitos-e-vida-em-sociedade/ideologia.html

CONCEITOS

Existem muitas concepções de ideologia, a mais corrente é a da ciência das ideias, muitas vezes associada a doutrinas ou mitos, a movimentos políticos ou culturais. A princípio, o mais importante é saber que nada, absolutamente nada neste mundo que tenha sido criado por seres humanos é vazio de ideias. Tudo o que falamos, pensamos e fazemos está marcado por um conjunto de ideias produzidas ou não por cada um de nós. Ainda que sejamos meros reprodutores de reflexões alheias, ainda aí, no âmbito do senso comum, está presente um conjunto de pensamentos que tomamos por verdades.

Nas lutas políticas do século XIX o significado de ideologia era pejorativo, liberais e radicais acusavam um ao outro de “ideólogos”, afirmando que o outro escondia objetivos sectários disfarçando-os de bem público. O que ficou desse debate foi a herança marxista, que afirmava que as ideologias refletiam os interesses das classes dominantes com um único objetivo, manter a dominação e os privilégios.   Na atualidade, o centro das atenções não está mais no que a pessoa diz, mas o porquê ela diz, isso é o que interessa.

Karl Marx, filósofo e revolucionário alemão (Foto: Wikimedia Commons)Karl Marx, filósofo e revolucionário alemão (Foto: Wikimedia Commons)

Segundo Marx, no livro Ideologia Alemã, “a produção das ideias, representações, da consciência está a princípio diretamente entrelaçada com a atividade material e o intercâmbio material dos homens, linguagem da vida real. O representar, o pensar, o intercâmbio espiritual dos homens aparece aqui ainda como efluxo direto do seu comportamento material”.

O que indivíduo pensa e as coisas nas quais ele acredita são marcados pela sua condição material de produção e existência, ou seja, pela realidade, pela experiência material na qual ele vive. Essa vivência marcará seu olhar sobre o mundo. Uma pessoa que nasce e é criada em uma comunidade no subúrbio do Rio de Janeiro terá uma visão de mundo muito diferente de outra que nasça e cresça na Zona Sul da cidade, simplesmente, porque a maneira como desfrutam a experiência de viver acontece em realidades sociais, econômicas e culturais completamente diversas.

A ideologia, então, é um conjunto de valores, crenças e ações culturais que justificam ou procuram modificar um determinado status quo, servindo de base para movimentos sociais que desejam a manutenção ou a mudança, como aqueles que defendem a causa ecológica, homossexual, feminista, etc. Num sentido amplo, podemos afirmar que a ideologia justifica e explica estilos de vida, por isso está presente na cultura das sociedades, seja na ideia de família ou mesmo no âmbito religioso.

"EU QUERO UMA PRA VIVER"

Nos anos 80 Cazuza e Frejat fizeram a música Ideologia. Vale a pena dar uma pesquisada na internet e assistir ao clipe original. Segue a letra dessa obra prima do rock brasileiro:

IDEOLOGIA
Cazuza/Roberto Frejat

Meu partido
É um coração partido
E as ilusões estão todas perdidas
Os meus sonhos foram todos vendidos
Tão barato que eu nem acredito
Eu nem acredito
Que aquele garoto que ia mudar o mundo
(Mudar o mundo)
Frequenta agora as festas do "Grand Monde"

Meus heróis morreram de overdose
Meus inimigos estão no poder
Ideologia
Eu quero uma pra viver
Ideologia
Eu quero uma pra viver

O meu prazer
Agora é risco de vida
Meu sex and drugs não tem nenhum rock 'n' roll
Eu vou pagar a conta do analista
Pra nunca mais ter que saber quem eu sou
Pois aquele garoto que ia mudar o mundo
(Mudar o mundo)
Agora assiste a tudo em cima do muro

Meus heróis morreram de overdose
Meus inimigos estão no poder
Ideologia
Eu quero uma pra viver
Ideologia
Eu quero uma pra viver

EXERCÍCIO

(UnB/CESPE, 2007) A respeito do conceito de ideologia, é correto afirmar que:
(A) a ideologia representa a sociedade tal como ela é, com os seus valores e com a sua cosmovisão do real.
(B) ideologia é o conjunto das ideias dos grupos pensantes que atuam de modo dominante na sociedade.
(C) ideologia é o mesmo que doutrina, pois ambas tratam de teorias.
(D) o marxismo e o capitalismo são ideologias, mas não o neocapitalismo.
Gabarito: letra B

(A) opção incorreta, pois a ideologia não representa a sociedade tal como ela é, de modo integral e hegemônico, mas sim os valores e a cosmovisão do real de um ou mais grupos.
(B) opção correta, pois ideologia é o conjunto das ideias dos grupos pensantes que atuam de modo dominante ou não na sociedade.
(C) opção incorreta, pois ideologia não é o mesmo que doutrina, nem trata de teoria, é, como vimos, um conjunto de valores, crenças e ações culturais que justificam ou procuram modificar um determinado status quo .
(D) opção incorreta, pois neocapitalismo  é também uma ideologia, assim como o marxismo e o capitalismo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *